Cursilho de Cristandade


ETAPAS PARA PARTICIPAR DO MOVIMENTO:

A entrada do participante no Movimento se dá por meio da indicação de outras pessoas que já participaram do Cursilho e realiza-se em três fases ou etapas:

  • O Pré-Cursilho (“PRÉ”), formado por reuniões preparatórias nas quais é explicado o carisma do MCC, tomando conhecimento da proposta que lhe será feita no retiro;
  • O Cursilho (pequeno curso), retiro espiritual de dois ou três dias, nos quais a mensagem será proclamada por etapas: Primeiro momento é um encontro consigo mesmo, em um segundo momento acontece o encontro com Cristo e o terceiro momento é encontro com a comunidade.
  • O Pós-Cursilho (“PÓS”), sequência na qual se espera que o novo cursilhista venha a dar vida às reflexões promovidas e aos propósitos assumidos, ambientado no contexto de suas realidades particulares e participar da Escola Vivencial do Movimento.

O MÉTODO USADO:

O Cursilho utiliza-se, em sua estrutura, do Método VER-JULGAR-AGIR, inspirado no contexto da Ação Católica pelo Cardeal belga Josef-Léon Cardijn.

Por esse mecanismo, propõe-se uma análise conjuntural da realidade em que se insere o cursilhista (VER), posta à luz dos critérios de valores do Reino de Deus (JULGAR), a fim de que se direcione à assunção de um compromisso (AGIR), voltado à mudança do paradigma potencialmente negativo.

HISTÓRIA DO MCC:

O Movimento de Cursilhos de Cristandade, teve seu início no singular contexto social, econômico, político e religioso da Espanha nas décadas de 1930-1940. Coube a iniciativa à Juventude da Ação Católica Espanhola (JACE) da Diocese de Palma de Maiorca (Ilha de Maiorca, Espanha), encorajada por seus assistentes eclesiásticos e por seu Bispo, D. Juan Hervás.

Participando de peregrinações promovidas pela JACE à destacados Santuários nacionais – especialmente a preparação e realização da grande Peregrinação de 80.000 jovens à Santiago de Compostela, em agosto de 1948 -, intuíram eles a “obra dos Cursilhos”. Aqueles cursillos (“cursinhos”, em espanhol) eram feitos em preparação à peregrinação, ministrados a milhares de jovens por toda a Espanha. Com o sucesso da iniciativa, a prática foi repetida por vários outros anos, até ganhar estatuto de movimento eclesial, adotando direcionamento mais amplificado e assumindo identidade própria.

O MCC chegou ao Brasil trazido pela missão Católica Espanhola, sendo que o 1º Cursilho Masculino foi realizado na cidade de Valinhos, em São Paulo, em 1962.

Em Balneário Camboriú teve início no ano de 1978. Os Cursilhistas se reúnem na Escola de formação semanalmente nas segundas Feiras e também tem os Grupos de Comunidade de Fé, onde se reúnem para organizar o Agir nos ambientes.

AS PRIORIDADES DO MCC:

As prioridades do MCC decididas em Assembleias Nacionais são:

  • Formação integral;
  • Busca dos batizados afastados
  • Criar núcleos de evangelização de ambientes.

A ESCOLA DE FÉ E VIVÊNCIA (encontros em todas as segundas feiras)

A formação integral dada na Escola, deve abranger:

  • A formação espiritual;
  • A formação doutrinal;
  • A formação social;
  • A formação no campo dos valores humanos.

COMO PARTICIPAR DO CURSILHO?

ENTRAR EM CONTATO: JUNIOR HIRT (47) 99161 6070 ou WALTER (47) 99118 8462

DATA E ONDE NOS REUNIMOS NAS ESCOLAS VIVENCIAIS:

Todas segundas-feiras às 20h na Capela Santa Catarina de Alexandria

Avenida Santa Catarina, 631 Bairro dos Estados Balneário Camboriú SC

https://www.facebook.com/Movimento-de-Cursilho-de-Balneário-Camboriú-132497050714870/

Site Nacional – www.cursilho.org.br

A seguir, fotos e vídeo da Missa de Santa Inês 2018, com a participação do Cursilho: