Liturgia Diária

SÁBADO DA 7ª SEMANA - TEMPO COMUM

A oração fervorosa do justo tem grande poder.
Leitura da Carta de São Tiago 5, 13-20
Caríssimos:
Se alguém dentre vós está sofrendo, recorra à oração. Se alguém está alegre, entoe hinos.
Se alguém dentre vós estiver doente, mande chamar os presbíteros da Igreja, para que orem sobre ele, ungindo-o com óleo em nome do Senhor.
A oração feita com fé salvará o doente e o Senhor o levantará. E se tiver cometido pecados, receberá o perdão.
Confessai, pois, uns aos outros, os vossos pecados e orai uns pelos outros para alcançar a saúde. A oração fervorosa do justo tem grande poder.
Assim Elias, que era um homem semelhante a nós, orou com insistência para que não chovesse, e não houve chuva na terra durante três anos e seis meses.
Em seguida tornou a orar, e o céu deu a chuva e a terra voltou a produzir o seu fruto. Meus irmãos, se alguém de vós se desviar da verdade e um outro o reconduzir,
saiba este que aquele que reconduz um pecador desencaminhado salvará da morte a alma dele e cobrirá uma multidão de pecados.
Minha oração suba a vós como incenso!
Senhor, eu clamo por vós, socorrei-me; / quando eu grito, escutai minha voz!Minha oração suba a vós como incenso, / e minhas mãos, como oferta da tarde!
R.
Ponde uma guarda em minha boca, Senhor, / e vigias às portas dos lábios!A vós, Senhor, se dirigem meus olhos, / em vós me abrigo: poupai minha vida!
R.
Quem não receber o Reino de Deus como uma criança,
não entrará nele.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Marcos 10, 13-16
Naquele tempo:
Traziam crianças para que Jesus as tocasse. Mas os discípulos as repreendiam.
Vendo isso, Jesus se aborreceu e disse: 'Deixai vir a mim as crianças. Não as proibais, porque o Reino de Deus é dos que são como elas.
Em verdade vos digo: quem não receber o Reino de Deus como uma criança, não entrará nele. '
Ele abraçava as crianças e as abençoava, impondo-lhes as mãos.
Palavra da Salvação.

SÃO FILIPE NÉRI, PRESB. - SANTORAL

Ocupai-vos com tudo o que é puro.
Leitura da Carta de São Paulo aos Filipenses 4, 4-9
Irmãos:
Alegrai-vos sempre no Senhor; eu repito, alegrai-vos.
Que a vossa bondade seja conhecida de todos os homens! O Senhor está próximo!
Não vos inquieteis com coisa alguma, mas apresentai as vossas necessidades a Deus, em orações e súplicas, acompanhadas de ação de graças.
E a paz de Deus, que ultrapassa todo o entendimento, guardará os vossos corações e pensamento em Cristo Jesus.
Quanto ao mais, irmãos, ocupai-vos com tudo o que é verdadeiro, respeitável, justo, puro, amável, honroso, tudo o que é virtude ou de qualquer modo mereça louvor.
Praticai o que aprendestes e recebestes de mim, ou que de mim vistes e ouvistes. Assim o Deus da paz estará convosco.
Palavra do Senhor.
Bendirei o Senhor Deus em todo o tempo!
Ou: Provai e vede quão suave é o Senhor!
Bendirei o Senhor Deus em todo o tempo, / seu louvor estará sempre em minha boca. Minha alma se gloria no Senhor; / que ouçam os humildes e se alegrem!
R.
Comigo engrandecei ao Senhor Deus, / exaltemos todos juntos o seu nome!Todas as vezes que o busquei, ele me ouviu, / e de todos os temores me livrou.
R.
Contemplai a sua face e alegrai-vos, / e vosso rosto não se cubra de vergonha!Este infeliz gritou a Deus, e foi ouvido, / e o Senhor o libertou de toda angústia.
R.
O anjo do Senhor vem acampar / ao redor dos que o temem, e os salva. Provai e vede quão suave é o Senhor! / Feliz o homem que tem nele o seu refúgio!
R.
Respeitai o Senhor Deus, seus santos todos, / porque nada faltará aos que o temem. Os ricos empobrecem, passam fome, / mas aos que buscam o Senhor não falta nada.
R.
Para que eles cheguem à unidade perfeita.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo João 17, 20-26
Naquele tempo, Jesus levantou os olhos ao céu e disse: Pai Santo,
eu não te rogo somente por eles, mas também por aqueles que vão crer em mim pela sua palavra,
para que todos sejam um como tu, Pai, estás em mim e eu em ti, e para que eles estejam em nós, a fim de que o mundo creia que tu me enviaste.
Eu dei-lhes glória que tu me deste, para que eles sejam um, como nós somos um:
eu neles e tu em mim, para que assim eles cheguem à unidade perfeita e o mundo reconheça que tu me enviaste e os amaste, como me amaste a mim.
Pai, aqueles que me deste, quero que estejam comigo onde eu estiver, para que eles contemplem a minha glória, glória que tu me deste porque me amaste antes da fundação do universo.
Pai justo, o mundo não te conheceu, mas eu te conheci, e estes também conheceram que tu me enviaste.
Eu lhes fiz conhecer o teu nome, e o tornarei conhecido ainda mais, para que o amor com que me amaste esteja neles, e eu mesmo esteja neles'.
Palavra da Salvação.