Liturgia Diária

3ª-FEIRA DEPOIS DA EPIFANIA - NATAL

Os reis de toda a terra, hão de adorar-vos, ó Senhor!
Dai ao Rei vossos poderes, Senhor Deus, / vossa justiça ao descendente da realeza!Com justiça ele governe o vosso povo, / com eqüidade ele julgue os vossos pobres.
R.
Das montanhas venha a paz a todo o povo, / e desça das colinas a justiça!Este Rei defenderá os que são pobres, os filhos dos humildes salvará,
R.
Nos seus dias a justiça florirá / e grande paz, até que a lua perca o brilho!De mar a mar estenderá o seu domínio, / e desde o rio até os confins de toda a terra!
R.
Deus é amor
Leitura da Primeira Carta de São João 4, 7-10
Caríssimos:
Amemo-nos uns aos outros, porque o amor vem de Deus e todo aquele que ama nasceu de Deus e conhece Deus.
Quem não ama, não chegou a conhecer a Deus, pois Deus é amor.
Foi assim que o amor de Deus se manifestou entre nós: Deus enviou o seu Filho único ao mundo, para que tenhamos vida por meio dele.
Nisto consiste o amor: não fomos nós que amamos a Deus, mas foi ele que nos amou e enviou o seu Filho como vítima de reparação pelos nossos pecados.
Palavra do Senhor.
Multiplicando os pães, Jesus se manifesta como profeta.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Marcos, 6, 34-44
Naquele tempo:
Jesus viu uma numerosa multidão e teve compaixão, porque eram como ovelhas sem pastor. Começou, pois, a ensinar-lhes muitas coisas.
Quando estava ficando tarde, os discípulos chegaram perto de Jesus e disseram: 'Este lugar é deserto e já é tarde.
Despede o povo, para que possa ir aos campos e povoados vizinhos comprar alguma coisa para comer. '
37Mas, Jesus respondeu: 'Dai-lhes vós mesmos de comer. ' Os discípulos perguntaram: 'Queres que gastemos duzentos denários para comprar pão e dar-lhes de comer?'
Jesus perguntou: 'Quantos pães tendes? Ide ver. ' Eles foram e responderam: 'Cinco pães e dois peixes. '
Então Jesus mandou que todos se sentassem na grama verde, formando grupos.
E todos se sentaram, formando grupos de cem e de cinqüenta pessoas.
Depois Jesus pegou os cinco pães e os dois peixes, ergueu os olhos para o céu, pronunciou a bênção, partiu os pães e ia dando aos discípulos, para que os distribuíssem. Dividiu entre todos também os dois peixes.
Todos comeram, ficaram satisfeitos,
e recolheram doze cestos cheios de pedaços de pão e também dos peixes.
O número dos que comeram os pães era de cinco mil homens.
Palavra da Salvação.

SÃO RAIMUNDO DE PENYAFORT, PRESBÍTERO - SANTORAL

Cristo confiou-nos o ministério da reconciliação.
Leitura da Segunda Carta de São Paulo aos Coríntios 5, 14-20
Irmãos:
O amor de Cristo nos pressiona, pois julgamos que um só morreu por todos, e que, logo, todos morreram.
De fato, Cristo morreu por todos, para que os vivos não vivam mais para si mesmos, mas para aquele que por eles morreu e ressuscitou.
Assim, doravante, não conhecemos ninguém conforme a natureza humana. E, se uma vez conhecemos Cristo segundo a carne, agora já não o conhecemos assim.
Portanto, se alguém está em Cristo, é uma criatura nova. O mundo velho desapareceu. Tudo agora é novo.
E tudo vem de Deus, que, por Cristo, nos reconciliou consigo e nos confiou o ministério da reconciliação.
Com efeito, em Cristo, Deus reconciliou o mundo consigo, não imputando aos homens as suas faltas e colocando em nós a palavra da reconciliação.
Somos, pois, embaixadores de Cristo, e é Deus mesmo que exorta através de nós. Em nome de Cristo, nós vos suplicamos: deixai-vos reconciliar com Deus.
Palavra do Senhor.
Bendize, ó minha alma, ao Senhor!
Bendize, ó minha alma, ao Senhor, / e todo o meu ser, seu santo nome!Bendize, ó minha alma, ao Senhor, / não te esqueças de nenhum de seus favores!
R.
Pois ele te perdoa toda culpa, / e cura toda a tua enfermidade; da sepultura ele salva a tua vida / e te cerca de carinho e compaixão.
R.
O Senhor é indulgente, é favorável, / é paciente, é bondoso e compassivo. Não fica sempre repetindo as suas queixas, / nem guarda eternamente o seu ranco
R.
Como um pai se compadece de seus filhos, / o Senhor tem compaixão dos que o temem. Porque sabe de que barro somos feitos, / e se lembra que apenas somos pó.
R.
Mas o amor do Senhor Deus por quem o teme / é de sempre e perdura para sempre; / e também sua justiça se estende / por gerações até os filhos de seus filhos, aos que guardam fielmente sua Aliança.
R.
Vós também ficai preparados!
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas 12, 35-40
Naquele tempo, disse Jesus a seus discípulos:
Que vossos rins estejam cingidos e as lâmpadas acesas.
Sede como homens que estão esperando seu senhor voltar de uma festa de casamento, para lhe abrirem, imediatamente, a porta, logo que ele chegar e bater.
Felizes os empregados que o senhor encontrar acordados quando chegar. Em verdade eu vos digo: Ele mesmo vai cingir-se, fazê-los sentar-se à mesa e, passando, os servirá.
E caso ele chegue à meia-noite ou às três da madrugada, felizes serão, se assim os encontrar!
Mas ficai certos: se o dono da casa soubesse a hora em que o ladrão iria chegar, não deixaria que arrombasse a sua casa.
Vós também ficai preparados! Porque o Filho do Homem vai chegar na hora em que menos o esperardes'.
Palavra da Salvação.