Liturgia Diária

3ª-FEIRA DA 10ª SEMANA - TEMPO COMUM

A farinha da vasilha não acabou conforme
o que o Senhor tinha dito por intermédio de Elias.
Leitura do Primeiro Livro dos Reis 17, 7-16
Naqueles dias:
Secou a torrente do lugar onde Elias estava escondido, porque não tinha chovido no país.
Então a palavra do Senhor foi-lhe dirigida nestes termos: 'Levanta-te e vai a Sarepta dos sidônios, e fica morando lá, pois ordenei a uma viúva desse lugar que te dê sustento'.
Elias pôs-se a caminho e foi para Sarepta. Ao chegar à porta da cidade, viu uma viúva apanhando lenha. Ele chamou-a e disse: 'Por favor, traze-me um pouco de água numa vasilha para eu beber'.
Quando ela ia buscar água, Elias gritou-lhe: 'Por favor, traze-me também um pedaço de pão em tua mão!'
Ela respondeu: 'Pela vida do Senhor, teu Deus, não tenho pão. Só tenho um punhado de farinha numa vasilha e um pouco de azeite na jarra. Eu estava apanhando dois pedaços de lenha, a fim de preparar esse resto para mim e meu filho, para comermos e depois esperar a morte'.
Elias replicou-lhe: 'Não te preocupes! Vai e faze como disseste. Mas, primeiro, prepara-me com isso um pãozinho, e traze-o. Depois farás o mesmo para ti e teu filho.
Porque assim fala o Senhor, Deus de Israel: 'A vasilha de farinha não acabará e a jarra de azeite não diminuirá, até ao dia em que o Senhor enviar a chuva sobre a face da terra'.
A mulher foi e fez como Elias lhe tinha dito. E comeram, ele e ela e sua casa, durante muito tempo.
A farinha da vasilha não acabou nem diminuiu o óleo da jarra, conforme o que o Senhor tinha dito por intermédio de Elias.
Palavra do Senhor.
Sobre nós fazei brilhar o esplendor da vossa face!
Quando eu chamo, respondei-me, ó meu Deus, minha justiça! / Vós que soubestes aliviar-me nos momentos de aflição, / atendei-me por piedade e escutai minha oração!Filhos dos homens, até quando fechareis o coração? / Por que amais a ilusão e procurais a falsidade?
R.
Compreendei que nosso Deus faz maravilhas por seu servo, / e que o Senhor me ouvirá quando lhe faço a minha prece!Se ficardes revoltados, não pequeis por vossa ira; / meditai nos vossos leitos e calai o coração!
R.
Muitos há que se perguntam: 'Quem nos dá felicidade?' / Sobre nós fazei brilhar o esplendor de vossa face!Vós me destes, ó Senhor, mais alegria ao coração, / do que a outros na fartura do seu trigo e vinho novo.
R.
Vós sois a luz do mundo.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Mateus 5, 13-16
Naquele tempo, disse Jesus a seus discípulos:
Vós sois o sal da terra. Ora, se o sal se tornar insosso, com que salgaremos? Ele não servirá para mais nada, senão para ser jogado fora e ser pisado pelos homens.
Vós sois a luz do mundo. Não pode ficar escondida uma cidade construída sobre um monte.
Ninguém acende uma lâmpada, e a coloca debaixo de uma vasilha, mas sim, num candeeiro, onde brilha para todos que estão na casa.
Assim também brilhe a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e louvem o vosso Pai que está nos céus.
Palavra da Salvação.

BV. JOSÉ DE ANCHIETA, PRESB. - SANTORAL

Ai de mim se eu não pregar o evangelho!
Leitura da Primeira Carta de São Paulo aos Coríntios 9, 16-19. 22-23
Irmãos:
Pregar o evangelho não é para mim motivo de glória. É antes uma necessidade para mim, uma imposição. Ai de mim se eu não pregar o evangelho!
Se eu exercesse minha função de pregador por iniciativa própria, eu teria direito a salário. Mas, como a iniciativa não é minha, trata-se de um encargo que me foi confiado.
Em que consiste então o meu salário? Em pregar o evangelho, oferecendo-o de graça, e sem usar os direitos que o evangelho me dá.
Assim, livre em relação a todos, eu me tornei escravo de todos, a fim de ganhar o maior número possível.
Com os fracos, eu me fiz fraco, para ganhar os fracos. Com todos, eu me fiz tudo, para certamente salvar alguns.
Por causa do evangelho eu faço tudo, para ter parte nele.
Palavra do Senhor.
O Senhor fez conhecer seu poder salvador, e às nações sua justiça.
Ou: Os confins do universo contemplaram a salvação do nosso Deus.
Cantai ao Senhor Deus um canto novo, / porque ele fez prodígios! / Sua mão e o seu braço forte e santo / alcançaram-lhe a vitória.
R.
O Senhor fez conhecer a salvação, / e às nações, sua justiça; recordou o seu amor sempre fiel pela casa de Israel.
R.
Os confins do universo contemplaram / a salvação do nosso Deus. Aclamai o Senhor Deus, ó terra inteira, / alegrai-vos e exultai!
R.
Cantai salmos ao Senhor ao som da harpa / e da cítara suave!Aclamai, com os clarins e as trombetas, / ao Senhor, o nosso Rei!
R.
Assim como tu me enviaste ao mundo,
assim também eu os enviei ao mundo.
+ Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo João 17, 11b. 17-23
Naquele tempo, Jesus ergueu os olhos para o céu e rezou dizendo:
Pai santo, guarda-os em teu nome, o nome que me deste, para que eles sejam um assim como nós somos um.
Consagra-os na verdade; a tua palavra é verdade.
Como tu me enviaste ao mundo, assim também eu os enviei ao mundo.
Eu me consagro por eles, a fim de que eles também sejam consagrados na verdade.
Eu não te rogo somente por eles, mas também por aqueles que vão crer em mim pela sua palavra;
para que todos sejam um como tu, Pai, estás em mim e eu em ti, e para que eles estejam em nós, a fim de que o mundo creia que tu me enviaste.
Eu dei-lhes a glória que tu me deste, para que eles sejam um, como nós somos um:
eu neles e tu em mim, para que assim eles cheguem à unidade perfeita e o mundo reconheça que tu me enviaste e os amaste, como me amaste a mim.
Palavra da Salvação.